Nosso Armário

« | »

Semana passada SP-Arte e SPFW dividiram a imprensa e o público paulistano (falei aqui sobre a intensa programação na capital Paulista).

Mesmo com o mercado de arte aquecido – houve aumento médio de 27,5% no volume total de negócios das galerias brasileiras no último ano – as opiniões de galeristas brasileiros, e das matérias sobre a maior feira de arte do hemisfério sul são controversas  (enquanto alguns galeristas comemoravam, outros reclamavam de suas vendas. Na imprensa algumas matérias chegaram a falar em queda nas vendas das galerias nacionais, enquanto outras publicaram cifras astronômicas de negócios realizados na SP-arte).

foto (12)

 Algumas obras que fotografei nesta edição da SP-Arte

Já a SPFW vem, nitidamente, diminuindo a cada edição, mas pouco se comenta sobre esse assunto (oficialmente, já nos corredores todos os jornalistas e frequentadores especulam sobre o futuro do formato atual das semanas de moda nacionais).

Mas desta vez Oskar Metsavaht, fundador da marca Osklen,  falou sobre a falta de empolgação geral com o mundinho fashion durante um evento que organizou para a imprensa, em seu showroom nos Jardins:  “As pessoas preferem ir em festas de arte do que de moda”, disse Oskar.

Não pude deixar de concordar com ele, transitando entre os dois mundos deu pra perceber a energia de renovação e empolgação nas festas, brunchs e vernissages paralelas a SP-arte, enquanto uma desanimação geral pairava por quem habitualmente transita no círculo da moda. Até os bloggers,que nas edições anteriores brigavam por credenciais e convites, se mostraram desanimados pelos corredores montados no Parque Cândido Portinari. Também, pudera! Pouquíssimas marcas dão o devido valor à divulgação gratuita feita por esses comunicadores e, infelizmente, cheguei a ouvir de algumas assessorias de imprensa que elas não convidam blogs para os desfiles e eventos de seus clientes (uma pena para elas, pois isso não passa de um atraso! E não estou falando por recalque, pois o Nosso Armário está entre uma minoria de blogs que hoje é reconhecida. Falo aqui como comunicadora e como consultora de comunicação digital: as assessorias e departamentos de marketing que não se adequarem a realidade das novas mídias tendem a FALÊNCIA. Achei esse tipo de depoimento, além de grosseiro com as blogueiras no local, um tanto estúpido! Quem acompanha o Nosso Armário viu a cobertura que fizemos da Paris Fashion Week, uma semana de moda muito mais famosa e badalada do que SPFW –  e lá fui credenciada como simples blogueira, e MUITO bem tratada! Assessorias brasileiras, aprendam com as marcas estrangeiras e com algumas marcas nacionais como O Boticário, e principalmente sua RP Tatiana Carboni, que  sabem valorizar e respeitar o trabalho dos bloggers. Também não poderia deixar de lembrar da equipe da assessora de imprensa Sônia Gonçalves).

Na SPFW Verão 2015 chamou a atenção quem soube se reinventar e aproveitar essa proximidade da moda com o mundo das artes! O desfile da grife Movimento foi um ótimo exemplo, e retirou do tédio olhares de jornalistas cansados de observar o vai vem de modelos pelas passarelas – o belo trabalho de Dudu Bertholini, que assinou o styling e direção do desfile da marca,  soube valorizar a coleção assinada pela estilista Tininha da Fonte.

Comentários